Sábado, 18 de Novembro de 2017
CONSTRUINDO A  LogoIntersindical

Domingo, dia 22 às 9h30, tem Assembleia da Campanha Salarial, na Sede Central

Quarta, 18 Outubro 2017 14:56

No próximo domingo, dia 22, teremos uma nova e importantíssima assembleia para discutirmos nossa Campanha Salarial.

Após a decisão de Estado de Greve, a assembleia do dia ser comunicada aos sindicatos patronais e as inúmeras assembleias feitas nas empresas, as negociações sobre as cláusulas sociais avançaram em alguns grupos. Porém, continuam emperradas no Sindipeças.

A tática dos patrões desses setores que se recusam a renovar a Convenção Coletiva é aguardam a vigência da lei sobre a Reforma Trabalhista no dia 11 de novembro para, sem as garantias da Convenção, bombardear com mais facilidade nossos direitos duramente conquistados.

Mesmo nos sindicatos patronais, aonde está negociada a renovação da Convenção, continuamos com reuniões pois ainda não existe acordo sobre o percentual de reajuste salarial.

Aumenta o lucro das empresas
Dados do governo sobre arrecadação de impostos das empresas sobre o lucro mostra que em agosto deste ano o lucro das empresas foi 27% superior ao de agosto do ano passado.

Esses dados, mais o aumento da produção de veículos, escancaram o que todos que estão nas fábricas sabem.

As empresas demitiram, aumentaram o ritmo de trabalho dos que ficaram, e mesmo agora com aumento dos lucros e da produção querem contratar com salários mais baixos e, apoiados na Reforma Trabalhista, contratos temporários, contratos intermitentes e terceirização de todas as atividades.

Por isso, essa é uma das mais difíceis campanhas salariais, pois ela ocorre justamente no momento que o governo e os patrões querem acabar com direitos conquistados com muita luta há mais de 100 anos. Ou seja, onde houver acordo, a luta terá de continuar para impedir que apliquem a reforma.

Na assembleia deste domingo, além de debater e decidir sobre as propostas patronais, decidiremos sobre as mobilizações que estamos, juntos com outros sindicatos, organizando em todo o país.


Patrões e governo estão rindo à toa
R$ 104 bilhões entraram nos cofres da Receita Federal, em agosto, mais de 10% que o mesmo período de 2016
R$ 4,6 bilhões vieram dos impostos sobre os lucros das empresas, que aumentaram 27,7% a mais que em 2016
A produção de veículos cresceu 25,5% entre agosto de 2016 e 2017.

Lido 1164 vezes
Receba informações por email